Camilo Santana diz que participará da disputa eleitoral em Fortaleza: "Sou um ser político"

Ministro afirmou que participação nas campanhas vai se dar pelo entendimento de que deve haver alinhamento entre forças pol√≠ticas

Foto: Reprodução Internet

Foto: Reprodução Internet

Senador licenciado e ministro da Educação, Camilo Santana (PT) revelou que planeja participar das campanhas políticas do pleito eleitoral nos municípios do Cear√°. Em entrevista ao Bom Dia Nordeste, na Verdinha FM, nesta terça-feira (2), ele, que foi eleito para a chefia do Pal√°cio da Abolição por duas vezes e é uma das lideranças do Partido dos Trabalhadores no Estado, disse que sua contribuição no palanque de aliados dever√° acontecer de acordo com brechas da agenda no comando da pasta federal.

"Sou um ser político, estou nessa vida por conta da política e sou muito grato à generosidade do povo cearense, que sempre me deu a oportunidade de ser senador, governador e agora ministro. Então, claro que nós vamos estar participando das eleições, cumprindo as determinações legais, nos hor√°rios que a gente puder participar fora do expediente, talvez tirar alguns dias de final de semana para cumprir", declarou o político, apontando que cumpre uma série de compromissos em todo o país enquanto ministro de Estado.

De acordo com Camilo, sua participação nas campanhas vai se dar pelo entendimento de que deve haver um alinhamento entre as forças políticas. "Sempre digo que, quando nós colocamos para o povo cearense a importância de estarmos alinhados, Governo Federal e estado, quem ganha com isso é a população. Sei o que sofri em não ter um presidente que apoiasse", afirmou.

E reforçou: "Vou defender a importância de ter um alinhamento político, porque quem ganha com isso é a população cearense, são os municípios cearenses. Teremos um tempo para discutir sobre isso, até para respeitar todas as questões legais da Justiça Eleitoral. Mas não tenho dúvidas que vou ajudar, porque acredito que é preciso construir novos momentos para a política cearense em v√°rios municípios".

AS 90 PREFEITURAS

Pelo que apontou o presidente do PT Cear√°, Antônio Filho, o Conin, em abril, durante uma plen√°ria em Barreira, somente a legenda ter√° candidatos disputando pelo menos 90 prefeituras cearenses na eleição de outubro. Estão nessa listagem municípios com grandes colégios eleitorais, a exemplo de Fortaleza, Caucaia e Juazeiro do Norte. A meta estipulada pelos petistas para este ano, conforme indicou o dirigente do Diretório Estadual, é eleger cerca de 50 gestores e gestoras.