Salitre: Vereadores de oposição vão a Procap em Fortaleza e protocolam pedido de quebra de sigilo na operação contra corrupção na prefeitura

Salitre: Vereadores de oposição vão a Procap em Fortaleza e protocolam pedido de quebra de sigilo na operação contra corrupção na prefeitura

A Câmara Municipal de Salitre, representada pelo presidente Carlinhos da Bolandeira e mais cinco vereadores de oposição, protocolaram junto à Procuradoria de Combate à Corrupção (Procap), um pedido de quebra de sigilo no processo que envolve agentes p√ļblicos da prefeitura e o prefeito Dodó de Neoclides (PSB) no suposto caso de corrupção envolvendo a quantia de quase R$ 4 milhões.

A operação "Aves de Rapina", executada pela Procap e pelo Ministério P√ļblico no munic√≠pio de Salitre no dia 1¬ļ de fevereiro deste ano, constatou v√°rias irregularidades e supostas fraudes no processo licitatório do serviço de aluguel de carros. Os alvos foram o prefeito da cidade, Dodó de Neoclides (PSB), mais tr√™s parentes que ocupavam cargos de secret√°rios, além da ex-tesoureira, cunhada do prefeito, e também do secret√°rio de Educação.

A comitiva da câmara, representada pelos vereadores Tonho de Dedi (PT), Paulo do Esp√≠rito Santo (PT), o presidente Carlinhos da Bulandeira (PT) e pelas vereadoras Eridiana (PT), Cl√°udia Lavôr (PT) e Socorrinha de Ronaldo (PT), entregaram durante audi√™ncia na sede do MPCE um requerimento aprovado por unanimidade em sessão, pedindo a quebra de sigilo nas investigações. Além da operação "Aves de Rapina", a atual gestão do munic√≠pio ainda enfrenta investigação no caso da "Rachadinha". Um √°udio compartilhado pelo irmão do prefeito no in√≠cio da gestão em grupos de WhatsApp expôs o suposto esquema.

Segundo os vereadores, também foram solicitadas mais atenção para outros contratos e licitações em curso no munic√≠pio que apresentam claros ind√≠cios de fraudes.

Um relatório da missão oficial dos vereadores ser√° apresentado na próxima sessão ordin√°ria da Câmara Municipal.